Coluna Tem que escutar, escutando apresenta: Manifesto Samba Safari

Explicar qual é a proposta do Samba Safari é algo que envolve muito mais metafísica do que pode parecer. Nascido e crescido como um envolvimento musical que unia amigos, ouvintes dos mais variados estilos, o Samba Safari pode ser considerado um estado de espírito. Nestas duas palavras, aparentemente despretenciosas, se agrupam todos os sonhos e projetos culturais de uma geração de amigos que cresceu com a certeza de que a cultura é o maior fator de transformação na vida de um indivíduo.

Ao mesmo tempo em que é produto, expressão individual e coletiva, o Samba Safari é também receptor, acolhendo todas as idéias e manifestações culturais que participem desta mesma atmosfera, sendo um denominador comum pluralista. Da vida, queremos viver a arte, queremos discutir o mundo, queremos andar entre amigos. Samba Safari é cantar em coro o refrão deste grande samba que é viver.

Inauguro a coluna “Tem que escutar, escutando”, batizada deste modo em homenagem ao alquimista Jorge Ben, com uma playlist produzida pelo meu camarada Luciano Alves, que faz um safári pelo samba, pela música brasileira, e mistura todas as suas vertentes no mesmo plano. Como em qualquer escola que se preza, a aula a seguir levará 50 minutos para expor nossa visão do mundo.

Samba Safari!

 

 

Alguns sons:

Ivan Lins – Tanauê
Marcos Valle – Batucada
Milton Banana – Não faz assim
Dom Salvador Trio – Barumba
Skowa e a Máfia – Deus Me Faça Funk
Azimuth – Manhã
João Donato – Malandro
Bebeto – Veja a vida como ela é
Luciano Perrone – Afoxé
Chico Buarque – Fica
Candeia – Olha o samba sinhá
Milton Nascimento – Nada será como antes
Arthur Verocai – Na boca do sol
Tim Maia – Bom senso
Banda Black Rio –  Chega Mais (Imaginei Você Dançando)
Banda Erotica – Flash
Miguel de Deus – Black Soul Brothers

Anúncios

4 respostas para Coluna Tem que escutar, escutando apresenta: Manifesto Samba Safari

  1. thiago nunes disse:

    belo texto!

    • guga.surff@hotmail.com disse:

      Belo testo meu irmãozinho, mas não podemos esquecer de outros mestres que é Wilson Simonal, Da Fé, Cassiano, Toni Tornado, Bebeto, Branca de Neve, 16 Toneladas, que algum tempo em algum lugar um dia se chamava Floriado, meu irmão se eu fosse escrever tudo minha nossa , mas é isso tamos juntose misturados!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: